Poesia Portuguesa

Poemas em Português

Não Digas Nada!

Não digas nada! Nem mesmo a verdade Há tanta suavidade em nada se dizer E tudo se entender – Tudo […]

Começa a Ir Ser Dia

Começa a ir ser dia, O céu negro começa, Numa menor negrura Da sua noite escura, A Ter uma cor […]

Dorme, que a Vida é Nada!

Dorme, que a vida é nada! Dorme, que tudo é vão! Se alguém achou a estrada, Achou-a em confusão, Com […]

De Quem é o Olhar

De quem é o olhar Que espreita por meus olhos? Quando penso que vejo, Quem continua vendo Enquanto estou pensando? […]

Liberdade

Ai que prazer Não cumprir um dever, Ter um livro para ler E não fazer! Ler é maçada, Estudar é […]

Contemplo o que não Vejo

Contemplo o que não vejo. É tarde, é quase escuro. E quanto em mim desejo Está parado ante o muro. […]

Em Busca da Beleza

Soam vãos, dolorido epicurista, Os versos teus, que a minha dor despreza; Já tive a alma sem descrença presa Desse […]

Intervalo

Quem te disse ao ouvido esse segredo Que raras deusas têm escutado – Aquele amor cheio de crença e medo […]

Feliz Dia para Quem É

Feliz dia para quem é O igual do dia, E no exterior azul que vê Simples confia! Azul do céu […]

Às Vezes Entre a Tormenta

Às vezes entre a tormenta, quando já umedeceu, raia uma nesga no céu, com que a alma se alimenta. E […]

Page 1 of 41234