Poesia Portuguesa

Poemas em Português



Poema Bel

Hálito da terra depois da chuva:
cálida ternura
aflorando
na espessura
do lábio

Teu corpo
leveza que pesa
um saber sábio
secreto
da Natureza

Por isso os bichos te amam
em suas falas naturais:
os felinos
os caprinos
e os poetas – bichos marginais


Poema Bel - Luís Veiga Leitão