Poesia Portuguesa

Poemas em Português



Poema Não Há Tempo

Não há tempo
há horas
Não há um relógio

hábitos que
me habitam

O poema dói
o ponteiro corta
a hora que queima
a morte simula

respira
para não me distrair

1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars (2 votes, average: 3,50 out of 5)

Poema Não Há Tempo - Fernando Lemos